Vitale deposita salários, e greve no Hospital Ouro Verde é encerrada

10/10/2017

Foram dois dias de intensa mobilização dos trabalhadores do Hospital Ouro Verde que paralisaram suas atividades até que os salários de setembro tivessem sido completamente depositados. A Vitale, atual administradora do complexo hospitalar, efetuou o pagamento dos funcionários que recebem até R$ 3.000,00 ontem (09) e dos trabalhadores com salários maiores no início da tarde de hoje, além de quitar as cestas básicas. O diretor do Sinsaúde e funcionário do Hospital Ouro Verde, Paulo Sérgio Pereira da Silva, comemora o resultado da mobilização que fez com que os trabalhadores tivessem os seus direitos respeitados. "Na negociação também ficou garantido que todos os grevistas terão estabilidade de 60 dias e não sofrerão assédio moral. Parabéns aos companheiros pela mobilização e união com o Sinsaúde”, finaliza Paulo.

[ FECHAR ]
[ FECHAR ]

GALERIA MULTIMÍDIA

VER TUDO

instagram

youtube