5519989916625

Hospital Santa Gertrudes segue Convenção e trabalhadores terão reajuste de 8,89%

21/07/2021

A negociação da campanha salarial entre o Sinsaúde e o Hospital Santa Gertrudes, de Cosmópolis, foi decidida em audiência de mediação no Tribunal Regional do Trabalho (TRT-15), nesta quinta-feira (15).

 

Os administradores da unidade decidiram seguir a Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) do Sindhosfil / Sinsaúde, que define reajuste salarial de 8,89%, com base no acumulado dos últimos 12 meses do INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) e a manutenção dos benefícios.

 

O índice de reajuste, que incidirá sobre o salário de maio, será dividido em três parcelas: a primeira de 2,96% cai sobre o salário de junho e haverá pagamento retroativo. A segunda parte do reajuste virá em setembro e somará 5,92%, completando 8,89% em janeiro de 2022.

 

“A campanha salarial tem sido uma luta árdua para conseguir a valorização que o trabalhador tanto merece, mas a união entre os trabalhadores e o Sindicato tem mostrado que é possível conquistar as perdas salariais e precisamos continuar lutando para avançar em nossas pautas”, avalia a presidente do Sinsaúde, Sofia Rodrigues do Nascimento.

 

Além da reposição salarial, a assinatura da Convenção garante a manutenção de alguns direitos dos trabalhadores, entre eles, a cesta básica com 16 itens, o piso salarial das funções, o chamado Salário Ingresso (veja tabela), o adicional noturno de 40%, o fornecimento obrigatório e gratuito de uniformes e EPIs, a folga do Dia do Trabalhador da Saúde (12 de Maio). “Todos estes benefícios precisam ser renovados com luta dos trabalhadores e do Sindicato. Eles ficam garantidos com a assinatura da CCT. Devemos manter sempre a luta acesa para não perdermos direitos”, destaca o presidente da subsede de Limeira, Leandro Barreto.

 

A diretora Graziela Vieira destaca alguns outros benefícios que envolvem a saúde dos cerca de 230 trabalhadores, 80% delas são mulheres, como as cláusulas de prevenção ao câncer de mama e de próstata, que dá direito a meio período para o exame e a obrigação do hospital de oferecê-lo. O auxílio-creche também beneficia os pais e os filhos, com ajuda de custo.

 

O diretor Ricardo Pereira chama a atenção também para as cláusulas existentes na convenção que tratam sobre a ausência de meio-período justificada e a interrupção do trabalho. “São condições que garantem que o trabalhador não tenha prejuízo no salário”, pondera. “A negociação com o Santa Gertrudes foi uma batalha muito dura e é preciso que os trabalhadores se unam cada vez mais ao Sindicato para vencer as barreiras e podermos avançarmos em mais conquistas”, afirma a diretora sindical, Fernanda Wegner.

[ FECHAR ]
[ FECHAR ]

instagram

youtube