Trabalhadores dizem sim à proposta do São Vicente, em Jundiaí

25/06/2019

 Com 92% de votos favoráveis, os trabalhadores do Hospital São Vicente de Paulo, em Jundiaí, decidiram aprovar a proposta de o reajuste salarial de 5%. A votação foi realizada por meio de plebiscito online, que ficou disponível no site do Sinsaúde entre os dias 20 e 24 de junho.  

 

 

Além da ampla divulgação, por meio de assembleia, SMS, notícia no site e divulgação via WhatsApp, o Sinsaúde, por meio de sua diretoria, esteve nesta segunda-feira (24), na porta do hospital, com o Pé na Estrada – o sindicato móvel do Sinsaúde -, com o objetivo de garantir a ampla participação dos associados.

 

 

A presidente do Sinsaúde em Jundiaí, Beatriz Lúcia de Castro, e os diretores Renan Henrique Fernandes e Juliana Karine Rodrigues realizaram um trabalho ativo junto aos trabalhadores do São Vicente, disponibilizando as ferramentas para que todos pudessem votar e orientando aqueles que estavam com dúvidas. A votação online pôde ser realizada por meio de computador, celulares ou tablets com acesso à internet.  

 

 

A presidente do Sinsaúde, Leide Mengatti, afirmou que a participação dos trabalhadores foi expressiva e elogiou o envolvimento da categoria em uma questão que é do interesse de todos. “Por meio do plebiscito, nós demos voz a todos os associados, que puderam escolher a melhor proposta para a categoria nesta Campanha Salarial. Afinal, o sindicato não faz nada sozinho”, disse.

 

CONHEÇA AS PROPOSTAS APROVADAS NO PLEBISCITO:

· 3% de reajuste salarial a partir de 1º de junho e mais 2% a partir de 1º de dezembro de 2019;

· Reajuste de 4,78% a partir de 1º de junho no tíquete-alimentação, que passará a R$ 231 reais e no vale-refeição que passará para o valor de R$ 23,46 reais;

· Promoção de 20 auxiliares de enfermagem para técnicos de enfermagem até maio de 2020;

· Folga 12 de maio/2019 a todos os funcionários até 31/12/2019.

· Folga 12 de maio/2020 concedida a todos até 31/12/2020, exceto nos casos de faltas sem justificativas, no período de 01/07/2019 a 30/04/2020. Faltas com atestados ou previsão legal não retiram o direito ao feriado da categoria;

· Manutenção das conquistas já praticadas.

[ FECHAR ]
[ FECHAR ]

GALERIA MULTIMÍDIA

VER TUDO

instagram

youtube